energias

Durante a cúpula mundial sobre energias do futuro, que acontece nesta semana em Abu Dhabi, a secretária-executiva da Organização das Nações Unidas para mudança do clima, Christiana Figueres, disse que a transição para energias de baixa emissão de carbono já começou. “Mas esta mudança não tem ocorrido nem na escala, nem na velocidade desejadas”, afirmou.

Atualmente, as energias renováveis chegaram a 18% do consumo energético total na última década, mas muitos especialistas duvidam que seja alcançada a meta de duplicá-las em 2030. As energias fósseis – petróleo, gás e carvão – representam 80% e a energia nuclear, de 2% a 3%, segundo o mesmo informe.

Subsídios são vilões da energia limpa – Esses subsídios atingiram os US$ 523 bilhões em 2011, 30% a mais do que em 2010, disse Birol, lembrando que o dinheiro gasto em energias fósseis não faz mais que aumentar o consumo. “Precisamos urgentemente das energias renováveis, mas, a menos que haja um marco que torne os investimentos rentáveis, não alcançaremos o nosso objetivo”, destacou.

A porta-voz da ONU comentou o assunto após anúncio da Agência Internacional para as Energias Renováveis (Irena) de um plano destinado a duplicar a proporção das energias limpas na produção total. “É uma meta ambiciosa”, admitiu Adnan Amin, secretário-geral do órgão.

Os investimentos mundiais em energias limpas caíram 11% em 2012, arrastados por fortes quedas em grandes mercados como Estados Unidos, Índia e Europa, embora a retração tenha sido menor do que se esperava, segundo um informe publicado nesta semana.

The Bovespa Index (“Ibovespa”) is one of the main indicators of the Brazilian stock market’s performance. The relevance comes from the facts of Ibovespa portray the behavior of stocks traded on BM&FBOVESPA of the listed companies more representative of the Brazilian economy.

Deja un comentario

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *